Sobre o Prêmio

XXVII EDIÇÃO DO PRÊMIO IBERO-AMERICANO

Seguindo uma tradição iniciada em 1994, as Embaixadas dos países ibero-americanos acreditados em Praga – a saber: Argentina, Brasil, Chile, Cuba, Espanha, México, Perú e Portugal – convocam uma nova edição do Prêmio Ibero-americano. 

Em nome de todas elas, a Embaixada da República Federativa do Brasil em Praga, na sua condição de Secretaria pro tempore desta XXVII edição, abre uma chamada para participação dirigida a todos os estudantes das universidades tchecas, com vista ao concurso de ensaios sobre arte, ciência, cultura, economia, história, literatura, política e sociedade dos países ibero-americanos. 

O Prêmio pretende chamar a atenção dos ditos estudantes para o conhecimento da realidade ibero-americana, composta por 22 países, mediante trabalhos escritos em português e em espanhol, línguas que se estudam no sistema de ensino tcheco. O domínio de uma e de outra língua enriquece sobremaneira a vida dos estudantes, permitindo-lhes a comunicação com cerca de 750 milhões de pessoas nos cinco continentes, que têm como língua materna o português ou o espanhol.